2010-2015 – Financiado pela Fundação Banco do Brasil e pelo BNDES é realizado em parceria com a Funatura, Rede Terra e IFB – Planaltina. O projeto, durante cinco anos, produziu 1 milhão de mudas nativas do Cerrado e recuperou 500 hectares de áreas degradadas ao longo da bacia do Rio São Bartolomeu. O Ipoema atuou como Centro de Recuperação Ambiental – CRA da região do médio Bartolomeu, produzindo, ao todo mais de 375.000 mudas e plantando mais de 250.000 árvores, beneficiando diretamente mais de 140 famílias de agricultores familiares. Além disso, o Ipoema executou as obras dos três CRAs com técnicas de bioconstrução, ofereceu bolsas aos beneficiários em seus cursos e participou de eventos da FBB.

WordPress Image Lightbox